Frutas #1

17h, hora do lanchinho… você já tá pensando em comer aquele sanduíche/salgado/biscoito, né? Nada disso, vamos comer uma frutinha que é mais saudável e bem menos calórica rs.

Para ajudar, aí va uma seleção de estampas com frutas, mais especificamente abacaxis, como tema principal!

via Clashing tumblr
image

Freya Flavell
image

Amyisla McCombie
image

Dark Dog Studio (site indisponível no momento)
image

Topshop
image

E aí, deu fome? rs.
Beijos!

Post 2 em 1: DIY e concurso de estampas (Front Row Society)

Oi gente!

Esse post, como diz o título, é 2 em 1! Inicialmente pensei apenas em postar um link para um tutorial que eu encontrei na internet, por se tratar de uma forma artesanal para se criar uma estampa. (Essa é pra turma que gosta de por a mão na massa!). Porém, ao final do tutorial percebi que esse post tinha como intuito, na verdade, chamar o pessoal para participar de um concurso de estampas africanas, naquele esquema de design/vote. Ou seja, você submete uma estampa e ela fica disponível para voto no site até uma data determinada.

Então, vamos por partes!

O site se chama Front Row Society (conhecem?) e eles promovem com uma certa frequência esse tipo de concurso.
O concurso em aberto no momento para envio de trabalhos é o “African Heat” e o título é bem auto-explicativo, certo?

Os vencedores desse concurso recebem, de imediato, a quantia de 200 euros e também um dos produto com a sua estampa, assim que estes chegarem na loja. Além disso, a cada 500 peças vendidas com a sua estampa, o autor recebe novamente a quantia de 200 euros. Por último, haverá uma entrevista com o vencedor e seus trabalhos serão divulgados em Berlim e internacionalmente.

Vocês podem ver mais detalhes sobre o concurso nesse link: http://www.frontrowsociety.com/boutique/modules/contest/designbrief.php?cid=59 e, ao abrí-lo, já irão se deparar com esse moodboard lindo:

image

Agora vamos ao motivo inicial desse post: um tutorial DIY de estampas utilizando… batatas! Vocês já ouviram falar em carimbos feitos com batatas? Bom, é um material bem barato, que todos nós temos em casa e cria um efeito handmade bem bacana. Claro que os motivos esculpidos na batata não serão muito complexos (não é pra brincar de xilogravura, ok? rs.) mas essa não é a idéia. O legal em estampas étnicas, mais especificamente as africanas, é o interesse que você consegue gerar com a combinação de formas simples e cores saturadas.

O tutorial se encontra neste link – http://www.frontrowsociety.com/frs/potato-stamping-for-africa-inspired-swimwear e, nas imagens seguintes, podemos ver tanto o processo quanto o resultado obtido com esse tutorial – depois de tratado no Photoshop. Notem que esse motivo é apenas uma sugestão da pessoa que desenvolveu o tutorial, o seu desenho você é quem deve criar!

imageimageimage

E aí, gostaram da idéia? Mãos à obra?
Beijos!

Curso de Aquarela com Renato Alarcão

E foi só eu falar de aquarela… rs.

Me deparei hoje com esse post no facebook: Aula de aquarela com Renato Alarcão! Vocês o conhecem? Se não conhecem, não deixem de ver o trabalho dele). O curso começa dia 08/06 aqui no Rio de Janeiro, no bairro da Gávea, e as vagas são limitadas!

O curso tem um total de 6 aulas, sendo as duas primeiras sobre teoria de cor e a última uma aula de pintura ao ar livre no Jardim Botânico
As inscrições já estão abertas pelo email: workshops@alarcao.com.br
O valor do curso é de R$600,00 ou duas parcelas de R$330,00, com a segunda parcela em um cheque pré-datado para o segundo mês.

Nunca fiz aula de aquarela com o Alarcão mas ouço falar maravilhas desse curso. Quando estava pedindo indicações de que curso de aquarela fazer, 90% das recomendações que eu recebi foram dos cursos do Renato Alarcão.

E aí, vamos fazer? :)

Vejam mais detalhes na imagem abaixo:
image

Ou neste link: http://on.fb.me/11RFgtd

Beijos!

Referências de traços – Aquarela

Vocês sabem qual é o estilo de vocês? Qual o traço, qual a identidade do desenho de vocês? Pois essa é uma pergunta que eu ainda não sei responder muito claramente sobre o meu trabalho.

Eu gosto muito de experimentar e acredito que ainda esteja numa fase de grande curiosidade, testando tudo que eu posso até me descobrir. A única linha que eu consigo traçar entre os meus trabalhos é a da cor. Gosto muito de cores fortes, saturação é comigo mesma! rs. Quanto ao meu traço, eu o considero bem simples, quase que tímido.

E essa última parte é o que eu venho tentando mudar. Decidi que vou treinar aquarela incessantemente até pegar o jeito da coisa. Lógico que não tenho intenção de me tornar uma exímia pintora, mas pretendo pelo menos conseguir me expressar através dessa que eu considero uma das técnicas mais bonitas de pintura/desenho.

Para isso, comecei a juntar algumas referências de desenhos em aquarela e estou criando esta nova área no blog, não dedicada diretamente à estamparia mas sim à desenhos, ilustrações e traços. Bom, convenhamos que, no meu caso, fatalmente estes desenhos se transformarão em estampas rs. (estampaholic, eu?).

Aí vai uma pequena parte das minhas referências em aquarela. Quem tiver artistas/designers/ilustradores/pintores para indicar, ganha um abraço e um sorriso virtuais :D

As duas primeiras são do blog da Caitlin McGauleyimage

image

Não encontrei o link para o autor :(
image

Laura Manfre

image

Robert Farkas
image

Não encontrei o link para o autor :(

image

Samantha Hahn

image

Amy Sia (essa eu nem precisava ir conferir o nome do artista pra saber que era a Amy Sia. Adoro o trabalho dela, depois faço um post como fiz para a Moniquilla!)

image

Clare Owenimage

Bertie WonderblueimageE aí, o que vocês acharam?
Nossa, foi difícil fazer uma seleção de 10. Já tenho material pra fazer muitos outros posts sobre aquarela, se vocês gostarem rs.

Aliás o próximo post vai ser sobre algumas dicas para se trabalhar com aquarela que eu também acho interessante!

Beijos!

Designers de Estampas: Moniquilla

Seção nova no blog, agora com portfólios de designers de estampas muito interessantes que eu encontro em meio às minhas pesquisas! (sugestão de posts da Karina Werner, lá na página do facebook!)

A primeira pessoa de quem eu vou falar é a espanhola Mónica Muñoz ou, como é conhecida, Moniquilla. Vocês já viram o trabalho dela por aqui algumas vezes, né? rs. Sou fã dela! Nas imagens abaixo vocês vão ver o porque! :)

image

image

image

image

A Mónica possui uma marca de produtos própria, que vende lenços, camisetas, vestidos e outros produtos – todos com as estampas lindas que ela desenvolve! Ela é dona de um traço muito bonito, bastante livre e colorido. Aliás, o que mais me chama a atenção nos seus trabalhos são exatamente as cores, que ela escolhe e combina de forma tão harmoniosa.

A maior parte das suas estampas partem de desenhos manuais, nos quais ela utiliza diversos materiais como aquarela, giz de cera e marcadores (sim, estou devendo um post para vocês sobre os famosos marcadores! rs. Podem me cobrar!).

E, pra quem é curioso (como eu) e quer saber um pouco mais sobre a pessoa por trás dos desenhos, aí vai um vídeo dela com um estande na Mercedes Benz Fashion Week:

Bom, o que eu coloquei aqui foi só uma prévia do trabalho dela, vocês podem saber mais sobre a Mónica no blog dela (http://masmoniquilla.blogspot.com.es) e na página do facebook (https://www.facebook.com/pages/moniquilla/135895896425951?fref=ts)

O que vocês acharam do estilo dela? Eu adoro!
Beijos!

Estampa Flamingos

Mais uma estampa própria! 

Estampa “Flamingos”, por Patrícia Capella.
Vocês também podem ver essa estampa diretamente no meu portfólio!

image

image

Essa estampa partiu de um sketch rápido que eu fiz pra me lembrar de que eu queria fazer uma estampa de listras com flamingos rs. Acabou virando a própria! É uma estampa simples, mas eu gostei do efeito de listras meio “interrompidas” pelos flamingos. O que vocês acham?

Foi bem menos trabalhosa do que a Clusters, que eu fiz post mostrando o processo criativo, mas se vocês quiserem eu faço um post com o passo-a-passo dessa aqui também. É só deixar nos comentários!

Beijos!

Como resolver o problema das linhas finas nas emendas do padrão?

Gente, o post de hoje é especial! Vocês se lembram de um post que eu tinha feito sobre aquelas linhas brancas fininhas no Illustrator, que inclusive eu cheguei a divulgar pra vocês, mas depois acabei apagando?

Pois é… Eu tirei do ar porque a referência que eu tinha colocado de um site que explicava o porque dessas linhas e dava dicas de como resolver o problema, não estava 100% correta. E, para que eu pudesse “me redimir” com vocês (rs.), com um post ainda melhor, o Estampaholic ganhou um colaborador, que não é ninguém menos do que o Lula Rocha, do site Metapix. Tá bom pra vocês? :D

O Lula escreveu esse artigo que todos vocês precisam ler para nunca mais terem esse problema que tira qualquer designer de estampas do sério!

Sem mais delongas, vamos ao artigo. Sugiro que vocês leiam todo, do início ao fim, porque para evitarmos essas linhas precisamos ter cuidado desde o momento em que criamos o padrão até o finalzinho, onde exportamos o arquivo! Espero que vocês gostem desse post colaborativo, eu estou super feliz com a novidade!

……………………………………………………………………………………………………….

Como resolver o problema das linhas finas nas emendas do padrão?

No Illustrator, uma Amostra de Padrão (Pattern Swatch) é um retângulo contendo um desenho (módulo), que pode ser usado para preencher um objeto.

Ao preencher um objeto, o Illustrator repete a amostra (módulo), lado a lado, na horizontal e na vertical, sem nenhum espaço entre os módulos.

Ao fazer esta repetição podem aparecer linhas finas (claras) nas emendas entre os módulos. Estas linhas finas constituem um problema, uma vez que atrapalham a visualização do padrão.

Sendo assim, o objetivo deste artigo é:

  1. Esclarecer a origem do problema
  2. Apresentar uma solução definitiva

Origem do problema
As linhas finas nas emendas do padrão são causadas pelo recurso Anti-aliasing do Illustrator.

O recurso Anti-aliasing suaviza, automaticamente, as linhas verticais e horizontais quando:

  1. O retângulo não casa com o Grid de Pixel e/ou
  2. Estamos visualizando com um fator de Zoom que não seja múltiplo de 100

Anti-aliasing
Com exceção do novo monitor Retina display da Apple, que tem uma resolução bem alta de 326 ppi (pixels por polegada), a maioria dos monitores tem uma resolução muito baixa variando entre 72 ppi e 150 ppi. Isto significa que os pixels da tela são muito grandes e por isso uma curva, por exemplo um círculo, seria exibido com a borda toda “serrilhada”. Mas não vemos a borda serrilhada graças ao Anti-aliasing. O Anti-aliasing suaviza (“desfoca”) as bordas, introduzindo pixels com cores mais claras, para que a arte seja apresentada na tela com esta aparência suave.

Figura 1
image
Anti-aliasing no Illustrator
O Illustrator, claro, também usa o recurso Anti-aliasing. Sem ele, as nossas artes apareceriam todas serrilhadas. O problema é que ele também é aplicado em linhas verticais e horizontais, e, quando criamos padrões, é gerado este efeito colateral indesejável, com o aparecimento de linhas finas (pixels com cores mais claras) nas bordas dos retângulos.

Grid de Pixel
O Grid de Pixel é outro recurso do Illustrator, que funciona por “trás dos panos”, para definir quando o Anti-aliasing deve ou não, suavizar as linhas verticais e horizontais. 

Para visualizar o Grid de Pixel, escolha Menu View > Pixel Preview e aproxime bastante a prancheta.                               

Figura 2
O quadrado da esquerda NÃO está alinhado ao Grid de Pixel e por isso as bordas são suavizadas, automaticamente. O Anti-aliasing cria linhas de pixels com cores claras.

O quadrado da direita está alinhado ao Grid de Pixel e por isso o Anti-aliasing não entra em ação, e as bordas não são suavizadas.

image

Figura 3
Para alinhar um objeto ao Grid de Pixel, selecione o objeto e no Painel Transform escolha a opção Align to Pixel Grid.

image

Figura 4
Ao ativar a opção Align to Pixel Grid, o Illustrator modifica, minimamente, a posição e a dimensão do objeto para que tudo case com o Grid de Pixel. Esta modificação é imperceptível mas suficiente para que o Anti-aliasing não seja necessário. Experimente trocar a unidade de medida do documento para Pixels e você verá que todos os valores são inteiros e pares.

image

Pronto, aqui está a resposta para o problema. Para evitar que apareçam as linhas finas quando criamos uma Amostra de Padrão, a amostra tem que ter medidas inteiras e pares, usando Pixels como unidade de medida.

Dica: você também pode usar a unidade de medida Pontos (pt) porque 1pt = 1px.

Solução: Redimensionar a Amostra de Padrão

Antes de começar certifique-se de que a amostra foi feita corretamente, aproximando bastante para ver se as linhas finas aumentam de espessura. Se a espessura da linha aumentar é porque existe um problema com o desenho.

Figura 5

  • 1. No Painel Swatches dê um clique duplo na amostra de padrão, para entrar no Modo de Edição de Padrão (Pattern Editing Mode)
  • 2. Exibir as Réguas. Menu View > Rulers > Show Rulers (CMD+R no Mac ou CTRL+R no PC)
  • 3. Posicione o cursor em cima da Régua, clique com o botão direito do mouse e escolha a unidade de medida Pixels ou Pontos.

image

Figura 6

  • 4. No Painel Pattern Options “arredonde” o tamanho para valores inteiros e pares
  • 5. Na barra cinza, no topo da janela, clique na palavra “Done” para confirmar a edição

image

Para mais detalhes sobre a solução, assista o vídeo abaixo no site Metapix:
http://metapix.com.br/curso/illustrator-superficie/amostra-de-padrao/como-resolver-o-problema-das-linhas-nas-emendas-do-padrao/

Observações e dicas

Fator de Zoom
O Anti-aliasing também entra em ação, quando estamos visualizando com um fator de Zoom que não seja múltiplo de 100, isto é, que não tenha uma relação “redonda”.

Por exemplo, quando visualizamos em 150% a relação é de 1 para 1,5 (relação “quebrada”). Isto significa que estamos pedindo para que 1 pixel da arte seja exibido numa área de 1,5 por 1,5 pixels da tela, mas como o pixel não pode ser dividido o Anti-aliasing entra em ação exibindo pixels com “meia cor”, ou seja, com uma cor mais clara, originando a linha fina.

Agora quando visualizamos em 200% a relação é de 1 para 2. Isto significa que 1 pixel da arte será exibido numa área de 2 por 2 pixels da tela e como esta é uma relação “redonda” o Anti-aliasing não entra em ação e as linhas finas não aparecem.

Figura 7
Quando repetidos lado a lado, mesmo que os quadrados estejam alinhados ao Grid de Pixel, as linhas finas aparecem porque estamos visualizando com um fator de Zoom “quebrado”, neste exemplo o fator é de 1587%.

image

Figura 8
Os mesmos quadrados sendo visualizados com um fator de Zoom “redondo” (múltiplo de 100), neste exemplo o fator é de 1600%, e por isso o Anti-aliasing não entra em ação e a linha fina desaparece.

image

Dica: Esta é a razão pela qual as linhas às vezes aparecem e às vezes somem quando aproximamos ou afastamos a prancheta. Dependendo do fator de Zoom, o Anti-aliasing entra ou não em ação.

Evite o problema na origem
Para evitar o problema na origem, crie suas Amostras de Padrão sempre com medidas inteiras e pares usando Pixels ou Pontos como unidade de medida.

Outras técnicas
Lembre que você também pode fazer a repetição e criar o padrão usando outras técnicas como por exemplo “Movendo Cópias” e repetindo com o comando Transform Again (CMD+D no Mac ou CTRL+D no PC) ou com a técnica “Padrão Dinâmico” fazendo a repetição com o Efeito Transform.

Para mais detalhes sobre estas técnicas visite os links abaixo:
http://metapix.com.br/curso/illustrator-superficie/movendo-copias/
http://metapix.com.br/curso/illustrator-superficie/padrao-dinamico/

Posição
Não é muito comum mas pode acontecer de, mesmo depois de redimensionar a amostra, as linhas continuarem aparecendo por causa da posição X,Y. A posição do objeto/amostra pode não estar casando com o Grid de Pixel. Neste caso, experimente remover o padrão do preenchimento, aplicando uma outra cor qualquer e depois aplique novamente o padrão.

Impressão
Mesmo que as linhas finas estejam aparecendo na tela elas não devem aparecer na impressão. Lembre, as linhas finas são apenas um “fenômeno” causado pelo Anti-aliasing na hora de apresentar a arte na tela. Isto significa que se elas aparecerem na impressão é porque a arte vetorial foi convertida para imagem bitmap durante o processo de impressão. E neste caso você deve checar as configurações de impressão (procure pelas opções “Output”, “Graphics” ou equivalente e certifique-se de que a arte não está sendo convertida para imagem bitmap)

Exportando a arte como imagem bitmap
Se você for exportar a sua arte vetorial como imagem, usando algum formato bitmap, por exemplo JPG ou PNG, mais uma vez, você tem que tomar cuidado com o Anti-aliasing.

Figura 9
Ao exportar (Menu File > Export) na caixa de diálogo do formato escolhido, procure pela opção Anti-aliasing e escolha ART OPTIMIZED (Supersampling).

image

Para mais detalhes sobre como exportar assista o vídeo abaixo no site Metapix:
http://metapix.com.br/curso/illustrator-superficie/saida/exportando-imagens-em-formato-jpeg/

Muito bem pessoal, é isso. Espero ter ajudado, e só para ficar registrado, todo este estudo para entender, de uma vez por todas, a origem do problema e poder oferecer uma solução definitiva é porque eu também odeio estas linhas finas :)

Lula Rocha
Rio de Janeiro, maio de 2013

imageLula Rocha é professor dos cursos de Design da PUC do Rio de Janeiro, do curso de Pós-graduação em Design de Estamparia do SENAI/CETIQT-Rio e autor do curso Illustrator para Design de Superfície e Estamparia do Site Metapix.

 

Tendência de estampas: Orientais

Porque nem só da nossa criatividade vivem as estampas, né?
Temos que estar sempre atentos às tendências do mercado para usarmos como referência na hora da criação.

O post “Inspire me now – Estampa Oriental”, do blog “The Fashion Hall” mostra uma série de produções onde a peça-chave possui uma estampa com motivos orientais como borboletas, pássaros, flores e folhagens japonesas.

image

Algumas peças ainda vem com uma modelagem semelhante às dos quimonos, reforçando ainda mais a tendência.

Quem quiser ver, é só clicar no link: http://www.thefashionhall.com.br/2013/04/inspire-me-now-estampa-oriental.html

Beijos!

Colour Lovers

Vocês conhecem o site Colour Lovers (colourlovers.com)?

Imagino que a maioria de vocês conheça. Esse site é um dos recursos online mais bacanas que eu conheço para se pensar em paletas de cor.

Paletas de cores são simplesmente essenciais para a sua estampa. Uma boa seleção de cores pode trazer à vida uma estampa simples, enquanto uma paleta ruim pode matar a estampa mais linda elaborada de todas. No nosso trabalho, é essencial que a gente entenda muito bem de cores, harmonias, combinações, contrastes, etc.

O cadastro no site é gratuito e você pode criar paletas livremente, usando diversas ferramentas que eles oferecem. Para começar, basta clicar no botão verde “Create” que fica na direita e próximo ao topo do site.

image
(obs: você também pode criar patterns e pattern templates, mas eu vou falar hoje apenas das cores senão o post não acaba nunca rs.)

A ferramenta mais prática e rápida é a que aparece assim que você clica em criar paleta, no painel Basic que já vem selecionado.

image
Você pode escolher uma cor para começar, no painel de cores abaixo 
(ou entrar diretamente com o hexadecimal que você quiser), e ir escolhendo as cores similares (similar colors) sugeridas ao lado:

image
image

Você pode também, por exemplo, começar com uma cor e ir alterando os números de H (Hue) S (Saturation) V (Value) – matiz, saturação e valor. Quando você altera apenas um atributo, você constrói uma paleta mais harmônica. Coloquei três exemplos abaixo:

Alterando apenas a Matiz (Hue):
image

Alterando a Saturação (Saturation):
image

Alterando o Valor (Value):image

Agora, no painel avançado:

image
Você pode começar a montar sua paleta a partir de uma foto (canto superior esquerdo) e selecionar a opção “Pixelate” para transformar a estampa em pixels e conseguir selecionar mais facilmente as cores, assim:

image  image

image

Além disso, pode também selecionar uma cor e criar harmonias a partir dela, nos botões abaixo do círculo cromático (canto inferior direito). Coloquei exemplos dessas harmonias partindo de uma mesma cor e, abaixo, o significado de cada uma delas.

imageimage
imageimageimage

Blend: Cores análogas, próximas umas das outras no círculo cromático.
Comp: Cores complementares, opostas no círculo cromático.
Triad: Três cores equidistantes no círculo cromático.
Tetrad: Quatro cores em dois pares de cores complementares
Split: Cor principal mais duas cores adjacentes à sua cor complementar.

A terceira opção que eles oferecem é a de você montar uma paleta a partir de uma foto bonita que você encontrou pela internet (Pinterest, oi? rs.) na ferramenta “From a Photo”:

image

No caso, eu escolhi a capa desse CD da Lana Del Rey porque tem cores lindas (e porque as músicas dela tem embalado as minhas madrugadas criativas rs.). Você podem escolher as cores pela foto ou usar as harmonias sugeridas na parte direita do painel.

image

Reparem que quando passamos o cursor por cima da imagem, aparece um quadradinho com a cor correspondente àquela posição, o que nos ajuda na hora de clicar para selecionar a cor.

image

Além das opções de criação de paleta que eu apresentei, você ainda pode escolher entre as paletas criadas pelos outros usuários (Browse > Palettes, no menu principal) ou procurar por uma paleta que possua a cor que você deseja usar, na barra de buscas à direita (ver imagem abaixo):

image

Bom, acho que é isso, não vou me alongar (mais!) porque o post já está gigante. Se ficou faltando alguma coisa ou vocês ficaram com alguma dúvida, deixem um comentário abaixo que eu vou responder e tentar ajudar ao máximo :)

Beijos,
Patrícia Capella

Estampa Cherish

Mais uma estampa própria! Esses dias tem sido bem produtivos rs.
Estampa “Cherish”, por Patrícia Capella.
Vocês também podem ver essa estampa diretamente no meu portfólio!

image

cherish

|ˈCHeriSH|
verb [ with obj. ]

protect and care for (someone) lovingly: he cared for me beyond measure and cherished me in his heart.

• hold (something) dear: I cherish the letters she wrote | (as adj. cherished) : cherished possessions.

• keep (a hope or ambition) in one’s mind: he had long cherished a secret fantasy about his future.

image

Essa estampa foi feita inteiramente com marcadores (markers) da Copic em papel da Canson especial para esse tipo de caneta, digitalizada e montada no Illustrator. Espero que vocês gostem! :)

Estampados #2

“Friozinho” começando a chegar – pelo menos aqui no Rio é com aspas mesmo – e nada melhor do que poder adicionar uma dose extra de estampa na nossa produção com acessórios elegantes como lenços e echarpes.

O que vocês acham? Gostam desses acessórios? Eu amo!!! Confiram a minha seleção:

Marc Jacobs via Net-a-Porter
image

Queenie’s Vintageimage

Liberty Art Fabrics via J.Crewimage

Anthropologie
image

J.Crew

image

ASOSimage

Spotted Moth (produto indisponível)image

Marc Jacobs via Shop Bop
image

J.Crew (produto indisponível)image

Azalea via Boutiika
image
Que tal arriscar um mix de estampas?

Beijos!

Processo criativo – Estampa “Clusters”

Como eu tinha prometido na página do facebook, aqui vai o post mostrando o processo criativo de uma das minhas estampas. Quero frisar que essa não é a “melhor maneira” ou a “maneira mais correta”, apenas o jeito que eu faço!
Obs: esse post vai ficar gigante porque eu usei muitos elementos na estampa e também porque eu falo muito rs. Me desculpem!

Vou mostrar o passo a passo da estampa “Clusters”, que eu já postei aqui no blog. Escolhi essa estampa pois ela tem muitas etapas e elementos e, por isso, acho que vai render um post bem completo! :)

Esse é o resultado final:
image

Vamos lá, vou começar pelo básico, a minha área de trabalho :)
O que eu uso é o seguinte (desculpem pela foto horrorosa!):

image

Macbook Pro 13”, Monitor LG 22”, Tablet Wacom Intuos PTZ-630, Mesa de luz (mandei fazer – se alguém quiser o contato do marceneiro deixa aqui nos comentários), Sketchbooks (sempre uso os da linha Kraft da Cicero, com espiral, fica mais facil pro scanner e pra mesa de luz), lápis, canetas nankin e por aí vai!

Agora falando da estampa em si, vou começar pelos pássaros. Bom, eu não sou uma exímia desenhista, mas isso não é vergonha – nem limitação – pra quem quer trabalhar com estamparia. Sim, tenho uma invejinha branca daqueles virtuosos que desenham qualquer coisa, mas eu me viro como posso.

Eu fiz esse primeiro pássaro há muito tempo, sem pensar que ele viraria essa estampa ainda. Eu busquei uma referência no google e desenhei diretamente no meu caderno, “de olho” (fotos abaixo). Obviamente não ficou idêntico, mas o objetivo também não era esse.

image

image

Vetorizei no Illustrator, com traços simples, e colori. Gosto muito da combinação “creme e marrom” para preenchimento e contorno, ao invés do tradicional “preto e branco”, acho que dá um ar meio vintage :)
Eu ia usar esse passarinho em outra estampa que cheguei a criar, mexer um pouco, mas não estava satisfeita, então deixei de lado. Recentemente resgatei o passarinho e aproveitei ele nessa estampa! (as flores eu também aproveitei recentemente, na estampa “Felicidade” que postei aqui no blog!)

O segundo passarinho eu fiz usando a minha mesa de luz. Procurei novamente referências na internet, imprimi e fiz um traçado por cima da foto com uma caneta nankin. Vetorizei com o live trace, do Illustrator CS6, e usei as mesmas cores do anterior.

image

Agora, as flores! Lembram de um post que eu fiz aqui falando do site Pattern People, que comercializa uma série de recursos que eles chamam de Designer Tools? Eu comprei com eles há um tempo o “Spring Florals Photo Pack”, um pacote de fotos copyright free que você pode usar da forma que quiser nos seus trabalhos.

Escolhi as pastas “Camellias” e “Clusters” que vem dentro desse pacote, selecionei algumas fotos e levei pro Photoshop. Recortei as flores, trabalhei as cores (não existia laranja, por exemplo), apliquei o pacote de actions “Vintage Set” – action Vanilla Pudding (gratuito, clique no nome para baixar) e também o filtro “Poster Edges”, do próprio Photoshop, controlando os níveis pra obter o efeito que eu queria.

Próximo passo, “gotinhas” e “pois” (poá).
Esses dois elementos eu também não tinha feito especialmente para essa estampa. Um dia peguei umas folhas de papel e comecei a rabiscar, com um marcador preto (marca Copic) diversos elementos repetidos em várias folhas, de forma bem livre.

image

Como eu queria um efeito “handmade”, peguei essas duas imagens, levei para o Photoshop, onde as deixei puramente em preto e branco, sem subtons de cinza (Image > Adjustments > Threshold), passei pro Illustrator e usei o bom e velho “Live Trace”, que é uma ótima opção pra vetorizações rápidas e sem muitos detalhes. (usar com moderação! rs.)

Agora, a montagem, que foi feita no Illustrator.
Dentro do mesmo arquivo, coloquei todos vetores e também as imagens que eram bitmap. Para estas, usei a opção “embed image” para que elas não precisassem ser “links” e ficassem dentro do próprio documento.

Montei mais ou menos o que eu queria em termos de composição (foto abaixo) com dois outros detalhes: a moldura e o céu atrás dos pássaros. A moldura eu tenho que confessar que eu fiz na mão, usando o trackpad do notebook (sem mouse ou tablet) e o azul é na verdade uma foto do céu, literalmente rs.

image

Depois, selecionei os elementos e fui para o painel de padrões do Illustrator (Object > Pattern > Make), ajustei o posicionamento dos elementos, o rapport, etc. e depois, adicionei o fundo amarelo e os pois (poás).

Acho que é isso, gente! Não entrei muito no mérito do Illustrator porque a idéia era mostrar o processo criativo, não o técnico. Isso já é mais assunto pros vídeos do site Metapix ;)

Desculpem de novo se o post ficou grande, mas era muita coisa pra mostrar! Espero que vocês gostem!!

Beijos!

Estampados #2

Segundo post do “Estampados”, agora com roupas! (o primeiro foi com almofadas, lembram?)

Então vamos lá! Roupas estampadas, pra despertar a compulsão por compras de todas as mulheres que estão lendo esse post ;) Tentarei ser bem eclética!

Vamos começar com calma. Duas calças estampadas, seguindo uma linha mais discretinha:

Max Clothing
image

Não consegui encontrar o site original dessa peça, nem o google images me ajudou :( Aliás, tenho encontrado muitas estampas de raposinha assim, vocês também?
image

E, pra balancear, duas calças (bem) mais coloridas!
A primeira floral (também não achei a referência original da calça – se alguém souber deixa aí nos comentários):

image

e a segunda, geométrica (também sem referência. tá difícil…):
image

Em seguida, moda praia.
Gostei muito da “desconstrução”, ainda que discreta, dessa estampa.
Anthropologie:
image

E das formas e cores vibrantes dessa outra aqui:

Mara Hoffman:
image

A próxima é infantil (mas, no tamanho apropriado, eu usaria! rs.)
Mini Rodini
image

Uma outra também de animais, só que agora para adultos – e com um traço de desenho lindo:

Carolina Herrera – Primavera 2012
image

Terminando, uma saia longa, nada discreta e lindíssima, com um floral de fundo escuro que eu amo:
Créditos: tá difícil…

image

E por último, um super mix de estampas que, pra mim, deu certo! E olha que combinar estampas é uma coisa complicada…
Como é um mix, não consegui achar a referência de cada uma das estampas :/
image

O que vocês acharam?

Gostaram desse modelo “um pouco de cada” ou preferiam um post só de vestidos, outros só de calças, outro de moda praia…? Me avisem! :)

Beijos!

Dica relâmpago: Curso de Illustrator para Design de Superfície

E agora uma super dica – pros cariocas!
Quem aí tem vontade/necessidade de aprender mais sobre o Illustrator para poder desenvolver as suas estampas? Ter mais “fluência”, agilidade e realmente entender o software?

Algumas pessoas já me pediram dicas de tutoriais/cursos/etc. então eu vim falar desse super curso que vai começar agora dia 30/04!

O Lula Rocha (do Metapix, lembram desse post?) vai ministrar, através do CCE (Central de Cursos de Extensão) da PUC-Rio, um curso presencial de Illustrator, totalmente voltado para Estamparia. Se vocês leram o post falando do Metapix e passearam um pouco pelo site, já perceberam que esse curso vai ser imperdível, não é mesmo?

image

Como eu disse, o curso começa terça-feira agora, dia 30/04, termina no dia 04/06 e ocorre às terças e quintas, das 19 às 22h no campus principal da PUC, na Gávea.

O curso tem um total de 24 horas (8 aulas) e o preço do investimento é de duas parcelas de R$432,00, uma paga no ato da matrícula e a outra posteriormente. 

No site do CCE (vejam aqui!) vocês podem ver mais detalhes como programação, objetivos, etc. – não deixem de acessar!

Considerado o preço da hora/aula e o valor que esse curso vai agregar ao trabalho de vocês, eu não pensaria duas vezes! Já aprendi muito com o Lula pelo Metapix e só não faço esse curso pois é no horário da minha pós-graduação e eu terei aulas com ele também na pós-graduação no SENAI-CETIQT :)

Ah, uma observação: as vagas estão acabando – mesmo! Acredito que ainda tenha algo em torno de 3 vagas, portanto, corram!

Eu já falei diversas vezes, inclusive para o próprio Lula, como a minha habilidade na criação de estampas melhorou e como o meu trabalho ficou mais otimizado depois que aprendi mais sobre o Illustrator com ele. É por isso que eu venho recomendar pra vocês, de coração, esse curso.

Espero que vocês consigam essas últimas vagas! Corram porque a inscrição é só até o dia 29/04!!

Beijos

Estilos de Estampas #2

Encontrei uma outra imagem falando sobre os diferentes estilos de estampas (para complementar a que eu postei anteriormente!).

Essa foi feita pela Amy Atlas, do blog “Sweet Designs” e foi postado em novembro do ano passado, então é recente.

Acho ótimo para uma consulta rápida, e é daquelas coisas que é sempre bom ter por perto. :)

PS: Cliquem na imagem para ver maior!!

image

O que vocês acham?

Beijos!

Essa é pro pessoal do Pinterest!

Gente,
pra vocês que acompanham o Estampaholic também no Pinterest (pinterest.com/estampaholic), queria dizer que eu criei um board separados apenas para as minhas estampas, pra ficar claro o que é inspiração e o que é trabalho meu :)

Ainda está no comecinho, mas pra quem quiser seguir, já está lá!
Beijos pra todo mundo!

Livro de estampas da Farm!

Eu AMO as estampas da Farm. Amo amo amo!
Minha amiga fofa, Adriane Mendes, acabou de me mandar esse post do blog deles, o “adoro!”, (clique aqui pra ver o post!) e eu não poderia deixar de compartilhar com vocês: a Farm vai lançar um livro de estampas!

image

O livro vai reunir uma seleção de estampas produzidas ao longo dos 15 anos da Farm! É muito amor! Vou acompanhar de perto o blog e, assim que o livro for lançado, aviso a vocês! :)

Beijos!

————— UPDATE —————

Quando eu soube que a festa de lançamento do livro seria ontem mesmo, eu estava na rua e não consegui atualizar o post aqui. Até cheguei a comentar na página do facebook, mas não sei se todos vocês viram.

Aconteceu uma festa ontem, em frente à Farm de Ipanema, para o lançamento do livro. Ele já está disponível para venda nas lojas físicas e no e-commerce da Farm e custa R$189,00. Achei o preço um pouco salgado, então ainda vou pensar direitinho se compro ou não. Se alguém aí comprar, fala pra gente o que achou! :)

Vocês podem ver mais informações nesses links:
Post no facebook da Farm: http://on.fb.me/ZSV5NQ
Post no blog da Farm: http://bit.ly/17YhIFl

Beijos!

Estampa Clusters

Mais uma estampa própria! 

Estampa “Clusters”, por Patrícia Capella.
Vocês também podem ver essa estampa diretamente no meu portfólio!

Nessa estampa eu resolvi arriscar um pouco e misturar vetores com fotos, texturas, filtros… acho que ficou caótico mas harmônico ao mesmo tempo. O que vocês acham? Podem ser sinceros rs. :)

Próxima estampa própria virá acompanhada do processo criativo, passo a passo! 

Gatos #1

Quem aí gosta de gatos? :)
Confesso que eu prefiro cachorros, mas tenho que concordar que os gatos são bem “estampogênicos” rs.

Segue abaixo uma seleção bem fofa pra gente abrir aquele sorriso!

Kitten Rain

Esther Lara

Studio Alique

Lisa Buckridge

Pegasus Design

Fofos, né? Depois tem que ter a coleção de estampas com cachorros pra balancear ;)

Beijos!!

Estampados #1

Comecei hoje uma seção nova do blog (“Estampados”) também com uma seleção de estampas, porém desta vez aplicadas em superfícies!

Para o post #1 dessa série, escolhi mostrar exemplos de almofadas estampadas, pois adoro decoração e acho que almofadas são um jeito bem prático da gente colocar as nossas estampas em objetos reais e dar vida à elas! :)

Seguem abaixo as minhas escolhidas:

The Graduate Collection
image

Houzz
image

Marcelo Romero
image

My favourite colour
image

Polyvore
image

Spires
image

Pegasus Design
image

Leah Reena Goren
image

Amy Sia
image

Bianca Green
image

Espero que vocês gostem das estampas que eu escolhi e da nova seção do blog! No post estampados #2, vou colocar imagens de roupas estampadas, o que vocês acham?

Livro: Digital Textile Design

Vocês conhecem o livro “Digital Textile Design”, escrito por Melanie Bowles e Ceri Isaac? Foi o segundo livro que eu comprei que tratava exclusivamente de Estamparia (o primeiro é um daqueles que é repleto de imagens apenas pra você ficar babando – falo dele depois) e na época eu fiquei maravilhada com ele!

image
(capa da primeira edição)

image
(capa da segunda edição)

Como diz o nome, o livro trata apenas de estamparia digital e podemos dividí-lo, de forma brusca, em duas partes: uma “prática” e outra “teórica”.

A primeira parte fala do processo de impressão digital em si, abrangendo técnicas, tecnologias e o mercado, com muitos exemplos visuais. Fala dos prós e contras desse tipo de impressão, dos resultados que podem ser obtidos, das escalas de produção e etc.

A segunda parte, e a que mais me chamou a atenção anos atrás quando eu comprei, é uma coletânea de tutoriais para criação de estampas. Essa parte do livro abrange diversos passos necessários para a elaboração de uma estampa, desde a sua fase embrionária (moodboards, desenhos, digitalização, etc.) até dicas para a criação efetiva das estampas em softwares como o Illustrator e o Photoshop da Adobe, com tutoriais passo a passo.

Em resumo, eu acho esse livro bem interessante para quem está começando porque ele apresenta “um pouco de tudo” para que o leitor possa experimentar diversas novas possibilidades.

O único problema que eu vejo é que, como esse livro é de 2009, os softwares já evoluíram e, o Illustrator CS6 por exemplo¸ possui a ferramenta “Pattern” que simplifica muitos destes passos, só que esta ainda não existia na época em que o livro foi escrito.

Mas, certas coisas não mudam e eu continuo achando que o livro vale a pena pois possui muitas outras dicas interessantes de criação/tratamento de imagens (efeitos, texturas, filtros etc.) que você não encontra em qualquer lugar!

Por ser importado, grande e todo colorido, o livro é um pouco caro. Na época (comprei em 2010, eu acho) ele custou algo em torno de R$90,00 e eu encomendei na Livraria Cultura, em São Paulo (ainda não tinha essa livraria no Rio). Acredito que ainda esteja custando entre 90~100 reais, então tem que ser comprado com cautela, pesquisem mais antes! :)

No site da Amazon vocês podem ver um pouco da parte interna dos livros (tanto da primeira quanto da segunda edição – basta clicar nos links) e eu não acho que os conteúdos entre uma edição e a outra tenham mudado muito. Onde eu percebi mais diferença foram nos exemplos visuais de cada capítulo, mas isso não me motivou a adquirir a segunda edição.

Espero que vocês tenham curtido a sugestão do livro e, se alguém aí comprou ou já tem, me diga o que achou!

Beijos!

Biscoitos estampados!

Ok, esse post é só pra deixar todo mundo com água na boca, porque esses biscoitos não estão disponíveis para venda no momento rs.

image

Brincadeiras à parte, eu quis fazer esse post rapidinho aqui porque esbarrei nessa imagem pelo Pinterest e achei que era uma aplicação bem inusitada – e linda! – para estampas.

A caixa, também estampada, vem com 36 biscoitos e 9 estampas diferentes – ou seja, 4 biscoitos de cada estampa – e essa é a descrição dos criadores:

As pretty as Tuscan tiles, these freshly baked buttery shortbread cookies taste as good as they look. Designed by architect and restaurant designer Greg Roth, and crafted by Montreal native and lifelong baker Daniel Shapiro, these cool cookies are fun, bright, unique and ready to party. 

Para visitar a página original é só clicar no link: Tile Cookies Gift Box – Deluxe

Deu fome!

Florais #3

Florais voltando ao blog, mas agora no clássico p&b que está (e não sai nunca) na moda! Vendo o que rolou agora nos desfiles do Fashion Rio, me veio na cabeça na hora fazer um post com essa tendência “preto e branco” que eu acho muito bonita e elegante.

Eu amo amo amo cores, mas não dá pra negar o charme do p&b!

Via ffffound (encontrado no Pinterest, sem nome do designer)

Via Welke (encontrado no Pinterest, sem nome do designer)

Via Designspiration (encontrado no Pinterest, sem nome do designer)

Juliet Glynn Smith (1965)

Designer Wall Coverings

Nossa, foi difícil encontrar referência pra maioria dessa imagens. Se alguém souber de quem é alguma dessas estampas, me avisa! :)

Gostaram? Eu confesso que meu coração ainda prefere as bem coloridas hahaha. Mas a gente tem que saber fazer de tudo, né?
Beijos!

Estampaholic agora também no Instagram! #estampaholic

Quem aí é usuário do Instagram?

Agora vocês podem seguir o Estampaholic (instagram.com/estampaholic) por lá também, só que no Instagram a proposta é um pouco diferente do blog e da fan page! :)

image
No Instagram eu vou postar fotos sempre que encontrar alguma estampa bonita pela rua, seja em decoração, papelaria, cerâmica, impressos, roupas, azulejos… 

E o mais legal é que vocês também podem participar enviando fotos com a hashtag estampaholic – #estampaholicO que vocês acham??? Eu acho que vai ser divertido!

Já já vai pro ar a primeira foto!!
Beijos!

Geométricas #1

Assim como as listras, as estampas geométricas também não precisam ser simples e contidas! Estampas geométricas costumam ser bastante democráticas, tanto em relação ao público que atingem quanto aos suportes aos quais elas se adequam. Ou seja, transitam mais facilmente entre vestuário feminino, masculino, infantil, papelaria, cerâmica, decoração, etc.

Novamente, assim como as listras, também costumam ser boas soluções para algumas estampas coordenadas da sua estampa principal.

Abaixo, alguns exemplos nada simples (do jeito que eu gosto rs.) de estampas geométricas:

Andy Gilmoreimage

Yann Derriennicimage

Wallpaper Boximage

Via Inspire Works
image

Leah Duncan
image

Tentei escolher estampas vem diversas, com formas geométricas bem definidas, handmade, umas mais complexas, outras mais simples… vocês gostaram? Sugestões/críticas são sempre bem-vindas!

Beijos!

Estampa “Felicidade”

Agooora sim, outra estampa própria.
Estampa “Felicidade”, por Patrícia Capella.
Vocês também podem ver essa estampa diretamente no meu portfólio!

image

image

A alegria e o nome dessa estampa refletem bem o meu estado de espírito com essa nova fase da minha vida. Com uma virada radical na minha carreira, escrevendo no meu blog que eu tanto gosto e com o meu portfólio finalmente no ar… não tem como não estar feliz!

Espero que essa estampa também transmita essa sensação para vocês! :)

Ah, só uma perguntinha: vocês tem vontade de ver processos criativos, sketches, etc.? Se sim, me avisem que eu faço um post mostrando!

Beijos!

Metapix – acreditem em mim: essa dica vocês não vão querer perder!

Não é segredo pra ninguém que eu adoro o Metapix!

O Metapix é um site sensacional pra quem quer aprender mais sobre os softwares Illustrator e Photoshop da Adobe, porém com um (enorme) diferencial: possui uma grande quantidade de vídeos totalmente dedicados à Estamparia. Antes de dar continuidade ao post, assistam o vídeo abaixo! :)

Tentando resumir para vocês, é um site super bem feito e organizado (vejam aqui a estrutura do curso), com vídeos (em português!) muito didáticos, divididos por temas, que você pode assistir a hora que quiser, te ensinando tudo que você precisa saber para trazer suas estampas à vida. Quer mais que isso?

Quem ministra os cursos online é o Lula Rocha, especialista certificado pela Adobe em Illustrator e Photoshop, com mais de 20 anos de experiência, formado pela PUC-Rio e Mestre em Design pela Central Saint Martins College of Art & Design. Atualmente, dá aulas na graduação de Design da PUC-Rio e na Pós-Graduação em Design de Estampas no SENAI-CETIQT (e é gente finíssima!).

Muitos dos vídeos do Metapix são gratuitos, mas eu aconselho fortemente, a quem puder, que faça a assinatura. Sugiro que comecem pelos vídeos livres, que vão dar uma idéia do que está por vir e, se vocês se interessarem, procurem se inscrever em um destes planos – vocês não vão se arrepender! A primeira opção dos planos é a mensal, que custa R$29,00 e é ótima para vocês experimentarem o conteúdo sem um maior compromisso.

Eu já perdi a conta de quantas vezes eu indiquei o Metapix para amigas, irmãos (dois designers!), namorado (também designer!), colegas de profissão, colegas da pós-graduação de estamparia, conhecidos… e todas essas indicações foram muito espontâneas, porque eu realmente gosto do site e ele já me ajudou muito!!

No final do ano passado, quando eu decidi mudar de vez a minha carreira, saindo de tecnologia para estamparia, eu tinha apenas um monte de idéias e sonhos na cabeça e nenhuma experiência na construção de estampas.

O Metapix me ajudou muito a ponto de, em poucos meses (de muito trabalho e dedicação, claro – virei inúmeras noites aprendendo, desenhando e criando estampas) eu já conseguir produzir algumas estampas próprias e, com isso, ter o meu próprio portfólio online (que você pode ver, clicando aqui!).

Além do site, você ainda encontra o Metapix no facebook e no pinterest!

Uso, assino, assisto, sugiro, indico, recomendo, adoro!
Beijos e não deixem de conhecer!!

Pattern People: E-books, fotos, trend guides e etc.

Vocês conhecem o site Pattern People?
Foi um dos sites mais interessantes que eu encontrei revirando a internet atrás de informações e inspirações sobre estamparia.

O Pattern People é um site com muitos recursos para designers de estampas. Você pode seguí-los através do blog, twitter, pinterest e facebook, mas o mais interessante desse site são as ferramentas (designer tools) que eles disponibilizam/vendem online.

image

Dessas ferramentas, eu adquiri os dois e-books “Repeat after me” e “Pattern design & beyond”. Aliás, eu estou escrevendo esse post exatamente para falar sobre esses livros, pois eu percebi que vocês gostaram da última dica de livro que eu postei aqui no blog e algumas pessoas inclusive me pediram outras referências de livros.

Os dois livros tem propósitos bem diferente: o primeiro, 
Repeat after me” fala mais da construção de estampas em si, oferecendo dicas/tutoriais de técnicas tanto no Illustrator quanto no Photoshop. Já o “Pattern design & beyond trata do mercado e da carreira do designer de estampas. Vou colocar abaixo a sinopse dos dois livros pra vocês terem uma idéia melhor:

Repeat After Me is a complete series of step-by-step tutorials that will give you the tools to master pattern repeats.

How do you turn your artwork into a pattern repeat? How do you format your work for the factory or a client? All this and more is covered in Repeat After Me: Creating Pattern Repeats in Illustrator and Photoshop. Learn the underlying concepts behind repeat building through step-by-step tutorials. From tosses to diagonal stripes, we’ll show you techniques and tricks using the Adobe Creative Suite to make your designs the best they can be. As a bonus, we’ve also included a chapter on color separations.  And for your visual enjoyment, browse over 400 patterns from surface designers around the world. Repeat After Me is a practical guide for students, artists, designers, and pattern lovers, providing creative inspiration for all.

——————————————————————————————————————-

Pattern Design & Beyond
An Insider’s Guide to Creating and Managing Your Own Surface Design Career

How do you turn your love for patterns into a functional business? Claudia Brown and Jessie Whipple Vickery of surface design studio, Pattern People, share their insider secrets in the new e-book, Pattern Design & Beyond: An Insider’s Guide to Creating and Managing Your Own Surface Design Career. With how-to pattern design guides, a thorough break-down of how the print industry operates, and loads of helpful resources, this publication provides a wealth of information for the burgeoning surface designer. The book also showcases over 80 international artists whose work illustrates the many print styles found in the market. Pattern Design & Beyond is an inspirational guide for students, professionals or anyone else with an appreciation for pattern design.

Eu já li os dois e os tenho sempre por perto para reler algo sempre que necessário. O preço de cada um separadamente é U$24,95 porém, se comprados juntos, ambos saem por U$36,95 e tudo no site  pode ser pago por Paypal. (Não, eu não ganho nada se vocês comprarem esses livros rs. É só uma indicação porque eu sei que, pelo menos aqui no Brasil, não tem muuuitos livros legais na área).

Fora os livros, eles ainda tem outras “design tools” legais como, por exemplo, as coleções de fotos que você pode comprar pra usar nos seus trabalhos: “Spring Florals Photo Pack” e “Romantic Bloom Photo Pack”. Em cada pacote, encontram-se mais de 250 fotos, sem copyright que você pode usar da forma que quiser em seu trabalho depois de comprar. Elas podem servir de referência para um desenho, uma aquarela, etc. ou até mesmo serem usadas diretamente como fotografia.

Por último, eles também oferecem guias de tendências de estampas e cores para as próximas estações, como este Print and Color trend guide | Spring 14 que oferece mais de 250 imagens e paletas de cores com referência na escala Pantone.

E aí, acharam interessante?
Beijos e até o próximo post!

101 patterns – just click!

Passeando pelo Pinterest, me deparei com essa imagem bastante “comum”, porém o que me chamou a atenção foi a legenda: 101 patterns. Just click! (101 padrões, apenas clique!)

image
O título “101 padrões” foi muito persuasivo para mim e eu cliquei.
Fui levada para uma outra página, apenas com uma outra imagem simples como esta. Porém, a cada clique, a imagem se transformava em um outro padrão! E era um clique (e um padrão) atrás do outro.

Achei interessante! E você, clicou? Só não contei pra saber se são mesmo 101… rs.

Até o próximo post!

Estampa/carimbo de bolinhas usando plástico bolha

Achei simples e interessante, quem não tem um pedaço de plástico bolha sobrando por aí pra criar essa estampa carimbada de bolinhas?

via pattern pulp, imagem original alisa burke

imageimage

Gostaram? Fica com um efeito manual bem legal né? Já dá pra ter idéias de vários outros materiais pra sair carimbando por aí e usar na criação de estampas, não é mesmo?

Beijos!

Livro: Como compreender Design Têxtil – Guia rápido para entender estampas e padronagens

Quem aí gosta de livros sobre estamparia?image

Estou começando a ler esse livro, da editora Senac São Paulo, que é um guia rápido (e de bolso!) para quem quer saber mais sobre a estamparia têxtil. Foi um achadinho que eu fiz na Livraria da Travessa, no Shopping Leblon (Rio de Janeiro) mas você também pode comprá-lo online clicando aqui.

Abaixo, a sinopse do livro:

O essencial para conhecer o fascinante processo de criação de tecidos para decoração e moda. 
– Técnicas: os diferentes métodos de tecelagem, de estamparia e de tingimento. 
– História: o que se usava ontem e se usa hoje em vestuário e mobiliário. 
– Inspirações e temas: do floral ao geométrico, passando pelo abstrato e pelo figurativo, as características dos estilos e os significados e aplicações de cada um. 
– Mais de 500 fotos de tecidos antigos e recentes utilizados em todas as partes do mundo.

Eu ainda estou começando o livro e pretendo, assim que terminar, escrever uma resenha aqui pra vocês, o que vocês acham? Gostam de ler sobre estamparia, querem mais dicas? Fico esperando o feedback de vocês!

Agora vou lá ler um pouquinho rs.
Beijos!

Manequins estampados

Querendo muito um desses pra minha casa…
As duas primeiras fotos abaixo são da loja inglesa Corset Laced Mannequins e você pode, pasmem, fazer um manequim com a sua própria estampa!

Mas, como nem tudo são flores, o preço é bem salgadinho, começando em £165, e eles não entregam no Brasil. Fica de inspiração e para quem quiser tentar encontrar algo assim por aqui :) (quem souber, me avisa! hahaha)

image

image

imagePensando aqui no tema para o próximo post… alguém tem um pedido/sugestão? :)

Beijos!!!

Abstratas #1

Estampas abstratas podem ser tão bonitas quanto um belo bouquet ou um geométrico bem executado. Elas podem expressar muitas coisas mesmo sem ter elementos definidos.

Juntei alguns exemplos para inspirar vocês a soltarem a mente e a mão e simplesmente criarem!

Katherine Harvey
image

Simon C Pageimage

Via Jur-assic tumblr
image

Elephant Trunk Studioimage

Moniquillaimage

E aí, gostaram? Vamos aproveitar essa chuvinha (pelo menos aqui no Rio) pra pintar, desenhar, rabiscar?

Vídeo mostra a produção de ladrilhos – imperdível!

Ladrilhos lindos e coloridos, como não amar?

image

Gente, esse vídeo é imperdível! Lindo, lindo, lindo!

O arquiteto Gustavo Calazans mostra o processo de produção de ladrilhos, totalmente artesanal e sustentável, na fábrica Dalle Piagge, em São Paulo.

Você pode inclusive fazer o seu próprio molde de ladrilho personalizado, não é demais?

Dica da Janaina Soares!

Do what you love for life

“Do what you love (for life)”, blog da Beth Nicholls (uma mulher com uma história de vida incrível que vale a pena conhecer – aqui) é uma ferramenta online conhecidíssima lá fora, que já encorajou centenas de pessoas – dos mais variados países – a trabalharem com aquilo que elas amam ou, mais especificamente, com a estamparia. Porque só quem trabalha com isso sabe como é apaixonante, né?

image

Eu me identifico muito com esse blog porque é realmente isso que eu penso e sinto em relação à estamparia e foi o que eu decidi fazer da minha vida: trabalhar com o que eu gosto, com o que é a minha paixão. Afinal de contas, a vida é muito curta pra gente perder 1/3 (ou mais) dos nossos dias com algo que a gente não gosta, não é mesmo?

Hoje em dia, o blog dela é mundialmente conhecido, especialmente por causa dos e-courses e dos retiros que ela organiza – tudo em função de ajudar as pessoas a descobrirem e a fazerem o que elas gostam: daí o nome em inglês – do what you love for life.

Mas o que realmente leva a Beth a modificar a vida dessas pessoas certamente é a série de cursos “The Art and Business of Surface Pattern Design”. Essa mudança é perceptível através dos resultados obtidos pelos alunos, não só em termos de qualidade de trabalho mas também em relação ao salto em suas carreiras. Mesmo após a formação dos seus alunos, o pessoal do DWYL continua acompanhando e ajudando  os “formandos”. Acho que o trabalho delas é tão bom porque podemos perceber que é feito com muito carinho e dedicação.

Pra quem está procurando uma boa forma de entrar nesse mercado mas não tem tempo ou um curso específico que possa frequentar perto de casa, essa é uma ótima dica! O único problema é que o preço é um pouco salgadinho, mas, se realmente for transformador como aparenta ser, deve valer a pena!

Beijos e hoje ainda tem mais post!

Inspiração – Florais Woking Girl Designs

Achei essas imagens lindas pelo Pinterest e tive que compartilhar com vocês! Essas imagens mostram o processo criativo da designer têxtil Helen, do blog Woking Girl Designs, que trabalha na área há 12 anos!

Nossa, eu fiquei de queixo caído com esses florais. Ainda não sei muito sobre ela pois acabei de descobrir essas imagens pelo Pinterest, mas já sei que vou revirar o blog de cabeça pra baixo e trazer mais coisas bonitas que nem essas pra vocês!

Beijos e boa noite!

Listras #1

Porque listras não precisam ser sem graça!
Se você pretende criar estampas listradas como coordenadas da sua estampa principal em uma coleção, saiba que nem sempre as listras precisam ser chapadas, retas e contínuas. Estampas listradas, se bem executadas, podem roubar o show e se tornarem as principais!

Abaixo eu coloquei alguns exemplos de listras bem diferentes pra vocês soltarem a imaginação!

Sarah Bagshaw
image

Moniquilla
image

Moniquilla
image

Via bubblesoda
image

Heather Dutton
image

Beijos!

Autoria Compartilhada – Mônica Nador

Dica de vídeo muito interessante, do professor João Dalla Rosa Júnior, ontem, na minha aula de Pós-Graduação em Design de Estampas do SENAI CETIQT.

Com apenas 15 minutos, esse mini-documentário mostra o trabalho da artista plástica Mônica Nador, que foi convidada para fazer uma exposição no Pavilhão de Culturas Brasileiras, no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. Para isso, ela contou com o JAMAC (Jardim Miriam Arte Clube), grupo de artistas da periferia de São Paulo com quem ela realiza diversos trabalhos artísticos.

Eu estou postando esse vídeo aqui porque a produção de estêncil foi feita na forma de estamparia e serviu para decorar todo o pavilhão, em enormes painéis de tecido, formando muitas e diferentes padronagens! Cada artista escolheu o que iria desenhar e imprimiu seu próprio traço, o que conferiu uma grande diversidade de linguagens à exposição. E é muito lindo de se ver!

Lembrando que o objetivo da exposição é mostrar a oficina onde esses painéis são produzidos, aberta para o público assistir a produção em tempo real e não apenas os painéis prontos. Muito legal a idéia!

Segue a descrição oficial do vídeo:

Direção: Patricia Valverde e Jeronimo Vilhena
Produtora: Jeronimo Filmes

A exposição Mônica Nador: Autoria Compartilhada trouxe ao Pavilhão das Culturas Brasileiras um olhar singular sobre a Cultura Brasileira. O trabalho coletivo visitou o acervo da instituição constituído por coleções como a do antigo Museu de Folclore Rossini Tavares de Lima e a coleção da Missão de Pesquisas Folclóricas de Mário de Andrade. Construiu um conjunto de obras que revela o grande potencial artístico promovido pelo JAMAC e seus integrantes que têm, assim como os artistas populares, a vida como referência para a arte.
Esse documentário mostra o processo de criação e desenvolvimento desta exposição, que aconteceu de fevereiro a julho de 2011; olhando a arte não só pelo seu resultado estético, mas como ação transformadora da vida.

O que acharam?
Beijos!

Pattern Observer

Vou começar a postar agora também uma série de outros sites que falam sobre estamparia e que eu acho que vale super a pena acompanhar e assinar a newsletter.

Pattern Observer é o site da designer Michelle Fifis que, após anos de atuação no mercado de design têxtil, decidiu começar em 2008 o seu próprio negócio, montando um estúdio em sua casa e depois iniciando seu blog. 

O diferencial do Pattern Observer são, certamente, os e-courses que ele oferece. Com mais de 10 anos de experiência de mercado, ela oferece cursos abordando todos os assuntos necessários para que os seus alunos comecem uma carreira de sucesso no ramo.

No site, o que chama atenção são os cursos principais, que são pagos, porém ela disponibiliza também alguns recursos grátis que já são bem legais.

Sobre os recursos grátis: patternobserver.com/free-resources

image

Recentemente ela passou a disponibilizar um treinamento grátis, na forma de um vídeo de aproximadamente 16 minutos, que é muito interessante! Para ter acesso a esse vídeo, basta clicar no primeiro link da página de recursos grátis: “Creating an Irresistible Surface Design Collection”. Você será levado à uma página de cadastro da newsletter do site (que eu acho interessante vocês assinarem, não é um bombardeio de emails nem spam) e vocês receberam um link para acessar o vídeo.

O mais interessante desse vídeo curto é que ela propõe alguns exercícios de análise do seu próprio traço e do seu público-alvo, que te fazem pensar bastante e, também, querer assinar o curso pago completo! rs. Também sugiro ler os outros artigos desta página e navegar pelo blog dela!

E, na parte de e-courses – patternobserver.com/courses – encontram-se os cursos pagos, que são 3 no total: “The sellable sketch”, “The ultimate guide to repeats” e “Building your own textile design business”.

image

O cursos de maior sucesso dela é o “The Sellable Sketch”, que possui 6 “vídeo-tutoriais” que você pode baixar e assistir no seu tempo, mentorias com a própria Michelle, um review por escrito do seu portfólio feito por ela e acesso de três meses à área privada do site.

Bom, já me alonguei muito! Abaixo de cada um dos banners você consegue obter mais informações sobre o curso, como também preços e datas de início.

Eu estou animada para fazer esse primeiro curso online, alguém mais???
Beijos!

Florais #2

E agora, florais mais alegres!
Escolhi esses cinco florais abaixo, que tem como base um fundo amarelo (do mais clarinho ao mais vibrante) pra contrastar com os outros florais escuros – dark florals – do post passado!

Lembrando mais uma vez que essas estampas não são minhas, são apenas uma referência para criação e para inspirar vocês (e a mim também!)

Sisboon
image

Amy Butler
image

Sisboon
image

Equilter
image

Camila Meijer
image

E aí, qual o estilo preferido de vocês? Mais gráfico, mais clássico, mais detalhado, mais simples?

Beijos!

Importante!

Gente, para evitar confusões futuras, eu quero reiterar o que foi dito nos primeiros posts: as estampas que eu posto aqui não são necessariamente minhas (quando forem eu irei avisar – como o caso da estampa Rhinos), e sim uma coletânea de estampas de diversos artistas/designers, com o objetivo de estudos e referência de criação!

Cada uma das estampas tem sempre sempre sempre o nome do autor e um link para a página de onde foi retirada!

Por favor não façam essa confusão hahaha.
Abraços e até o próximo post!

Patterned Paint Rollers

Ao invés de uma cor chapada ou de um papel de parede, que tal pintar as paredes da sua casa com uma estampa? Vocês conhecem os Patterned Paint Rollers?

image

A idéia me pareceu bem legal, porém exige bastante firmeza nas mãos e muita atenção pra não fazer uma linha torta ou perder o encaixe!

Pra quem ficou curioso, tem um vídeo ensinando a preencher o rolinho com a tinta:

Esse produto é comercializado pela “The Painted House”, a empresa da inglesa Clare Bosanquet, que se apaixonou por esses rolinhos em um mercado na Romênia. Segundo ela, essa é uma alternativa aos papéis de parede que é usada há mais de 100 anos por lá!

No site da empresa vocês podem ver muitos exemplos, tanto em paredes quanto em tecidos e madeira!

Alguém aí arriscaria? :)

Álbuns de estampas no Facebook

Mais organização!

image

Gente, vou colocar na página do Estampaholic no facebook um álbum referente a cada um dos temas de estampa que eu postar aqui. Ahn?
Por exemplo: um álbum só para Florais, outro só para estampas de pássaros, outro para estampas étnicas… Porque aí fica mais fácil de vocês visualizarem e fazerem uma pesquisa rápida sem ter que ficar procurando aqui no blog, certo?

Então é isso! Hoje a noite tem mais!
Beijos!

Estampaholic agora também no twitter!
Siga @estampaholic para acompanhar as novidades do blog!

https://twitter.com/Estampaholic

Étnicas #1

Cores vibrantes, simetria, geometria, traços bem definidos ou “handmade” e um estilo bem característico e marcante. As estampas étnicas são lindas, atraentes e também muito interessantes de se produzir!

Coloquei abaixo alguns exemplos variados, mas bem variados mesmo, pra vocês perceberem que, com elementos dos mais diversos possíveis pode-se fazer uma estampa étnica sem que ela perca suas identidade! Vocês concordam?

Bom, eu me proponho a fazer uma estampa étnica baseada nesse post e colocar aqui! Quem vem comigo? Eu ia adorar se vocês (alguém!) fizesse uma estampa com algum dos temas do blog e me enviasse. Quem sabe não aparece aqui? Fica aí o email pra quem quiser “brincar”: contato@estampaholic.com

Chulabird
image

Amy Sia
image

SchatziBrown
image

Moniquillaimage

Frank Loyd Jr.
image

Beijos e até mais!

Estampaholic no Pinterest e no Facebook!

Olá!! :)

Passando aqui rapidinho pra dizer que o Estampaholic não está só no Tumblr! Nããão!

Estamos também no Pinterest, com os boards já divididos por assuntos do blog, cheio de imagens liiindas:
http://pinterest.com/estampaholic

E no facebook, com uma Fan Page onde vocês podem acompanhar tudo que acontece aqui no blog, no conforto da sua timeline:
https://www.facebook.com/estampaholic

Abraços e até o próximo post!!

Pássaros #1

E agora, a vez dos pássaros!
Procurei estampas de estilos bem diferentes pra vocês terem idéias de caminhos diversos pra seguir.

A princípio vou fazer como no post “Florais #1” e colocar 5 imagens pro post não ficar muito longo. Mas, se vocês acharem legal colocar mais estampas é só deixar aí nos comentários que eu faço um update no post. Estampa é o que não falta! hahaha. Vamos lá!

PS: Como o nome indica, haverão os posts “Florais #2”, “Pássaros #2”, etc.

Moniquilla
image

Pegasus Design
image

Não tenho o link da imagem abaixo :(
image

Etsy
image

Equilter
image

Nossa, foi difícil escolher (só!) essas 5 estampas. Mas, conforme for, já já sai o post  Pássaros #2.

Espero ter ajudado vocês a se inspirarem!

Beijos!